O cravo brigou com a rosa,
Debaixo de uma sacada,
O cravo saiu ferido,
E a rosa despedašada.

O cravo ficou doente,
A rosa foi visitar,
O cravo teve um desmaio,
E a rosa p˘-se a chorar.